Redução do Desejo Sexual


A redução do desejo sexual, também conhecida como redução da libido, é uma alteração comum que provoca, em grande parte da população masculina, constrangimento e angústia. Desta forma, muitos homens acabam não buscando auxílio médico para investigar e tratar esse quadro.
Redução da produção de testosterona (DAEM - Déficit Androgênico Relacionado ao Envelhecimento Masculino), questões emocionais/psicogênicas e uso de medicações antidepressivas, podem ser consideradas como possíveis causas, havendo um amplo espectro de possibilidades para serem avaliadas para que se possa definir o tratamento adequado.
Sinais e sintomas clínicos caracterizam a condição denominada de DAEM, que corresponde laboratorialmente a uma redução dos níveis de testosterona no sangue. A representação dessas alterações clinicas é denominado de hipogonadismo.

O diagnóstico se dá quando temos valores baixos de testosterona no sangue, com sinais e sintomas associados, dentre eles:
  • Fadiga/Fraqueza
  • Redução da Libido
  • Redução da “energia”
  • Disfunção sexual erétil
  • Redução da massa muscular
  • Osteoporose
  • Aumento da gordura abdominal
  • Perda cognitiva (esquecimento, raciocínio lento)
  • Insônia
A reposição hormonal proporciona a melhoria e reversão de todos os sintomas associados. Porém deve ser acompanhada com visitas regulares ao seu urologista.

Quando o hipogonadismo ocorre em homens idosos, a condição é geralmente chamada de andropausa ou hipogonadismo de início tardio, também referida pela sigla em inglês LOH (Late Onset Hypogodadism). Estima-se que o hipogonadismo afete 6% da população masculina aos 40 anos e 12,3% aos 69 anos.

Algumas alterações podem surgir com o uso contínuo da testosterona e precisam ser continuamente monitoradas.







Gostou das explicações? Conheça outras Tecnologias que dispomos para um Tratamento Urológico de Excelência.

Clique Aqui e Tire Suas dúvidas!!!